terça-feira, 29 de setembro de 2015

Eclipse


Adivinhem onde foi passada a nossa madrugada do dia 28 de Setembro de 2015. No campus do Técnico a apreciar este fenómeno da natureza
Foi fantástico, acordar pelas duas da manhã, chegar e estar um grupo de alunos muito amável que nos deixaram apreciar a lua pelo telescópio, e também matar saudades dos nossos tempos de estudante,

Dizem que a Lua vermelha é sinal de hecatombe e eu sou quase levada a acreditar nisso pelo menos para mim e pelo que me tem acontecido nos últimos dias. 

Constatação

Ontem fiquei com a certeza que uma pessoa dita normal consegue fazer coisas mais malucas do que uma pessoa bipolar.
Pronto, é só isto que me apraz dizer. 
Fiquei nervosa com o que se passou, mesmo não sendo comigo, mas em paralelo a um trabalho que estou a coordenar e que eu quero que corra pelo melhor.
Não vale a pena estar a explicar muito mas em súmula: os "normais" são capazes das coisas mais incríveis e nem sempre as melhores.

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Boa recomendação

Se é possível, é possível basta olhar para o meu caso que trabalho e até trabalho sob pressão. Mas não sou só eu, conheço outras pessoas que também trabalham e em empregos de grande responsabilidade.

Rotos e estafados

O pai desta casa foi para os Pirenéus (espanhóis e franceses). Para lá fez uma directa e para cá outra. Lá fez várias caminhadas por sítios íngremes e a pique, sendo que uma das expedições foi um pouco mais de 20 km. Esteve junto de lagos muito bonitos, florestas míticas, desertos e passou pelo Caminho de Santiago de Compostela. Veio todo contente e satisfeito mas supercansado.


Ibón de Estanés

O mais pequeno tem agora que adaptar o horário das férias ao horário lectivo. Ele entra às 8 e 15 em ponto e por isso tem de se levantar muito cedo e por isso anda estafadito.

A princesa começa as aulas às 8 da manhã na outra ponta da cidade e por isso acorda às 6 e meia. Tem aulas na faculdade durante toda a manhã e à tarde, durante esta semana, tem praxe. Anda com umas olheiras e já tem montes de matéria para estudar.

Quando a mim, tenho acordado à mesma hora do pimpolho para tratar dele e pô-lo na escola e depois seguir para o serviço onde o andamento dos projectos que eu coordeno precisam de muita atenção e dedicação pois em algumas situações há necessidade de tomar medidas sérias para a protecção de pessoas e bens. Ao mesmo tempo ainda tenho de fazer dois planos para um outro projecto e sinto-me a soterrar em trabalho. Ah, e ainda tive um acidente de automóvel que me deixou toda dorida.

A semana ainda vai a meio e estamos assim, rotos e estafados.  

domingo, 20 de setembro de 2015

Musica do Trevo #46


Isto é lindo...

Josefa de Óbidos e outras histórias

Por estes dias não temos o Sr. do Trevo connosco. Ele foi para os Pirenéus fazer uma caminha pelas montanhas pois achou que essa seria a melhor forma de celebrar os seus 50 anos. Sendo assim fiquei aqui com as crias e com fim-de-semana por preencher. Então resolvi que podíamos almoçar no restaurante do Museu de Arte Antiga a apreciar a vista sobre o Tejo e depois visitar a exposição da pintora do barroco português Josefa de Óbidos.


Esta foi a vista do nosso almocinho sendo que às duas por três as crianças fugiram para dentro do restaurante por causa da quantidade de abelhas. Os jardins são tão bonitos e com tantas flores que atraem milhentos destes insectos que eu considero simpáticos mas as os filhotes têm miufa.

Depois fomos à exposição que é linda, linda e que além de quadros da Josefa tem também de outros pintores contemporâneos à Josefa nomeadamente o seu pai Baltazar Gomes Figueira, outro grande pintor.

Ficámos a saber que a Josefa de Ayala, assim era o seu nome, foi uma mulher emancipada, dona de uma oficina de pintura e senhora da sua vida isto numa altura em que geralmente as mulheres pertenciam legalmente primeiro ao pai e depois ao marido. De certa forma ela foi a primeira feminista portuguesa.
Também ficámos a saber que o barroco português é diferente do europeu porque no nosso são representados motivos exóticos que tem a ver com as terras descobertas pelos portugueses.
Aqui ficam algumas fotos dos quadros:




Depois fomos ao Emanha do Parque das Nações comer os deliciosos geladinhos. À noite, depois de jantar, fomos às festas aqui da freguesia e encontramos imensos amigos, vizinhos, colegas e professores. Uma diversão...
Amanhã o dia vai ser um pouco diferente pois temos de tratar do regresso às aulas, tenho montes de roupa para passar, tenho que fazer as compras do supermercado, tenho ainda dois projectos do trabalho que trouxe para fazer no fim-de-semana mas já está prometida uma petiscada para o jantar.

terça-feira, 15 de setembro de 2015

Adeus Verão, Olá Outono


E pronto é oficial. Amanhã vem o mau tempo. Há que ir buscar os sapatos fechados, guardar as havaianas, as sandálias e as birkenstock (ainda que sejam da Seaside). E assim esconder as nossas lindas unhas dos pés pintadas com cores garridas. Praia agora só para fazer caminhadas e as esplanadas só se não chover. Convêm trazer sempre um casaquinho e um chapéu de chuva também não é mal pensado. É o que temos. Não sou muito fã deste tempo faz-me mal aos "nervos" e tenho que ter cuidado com isto pois normalmente esta mudança de estação é sinal de crise.
Portanto há que tomar a medicação certinha e aproveitar todos os raios de sol.

domingo, 13 de setembro de 2015

Desorientação político/geográfica

Esta mãe - Então, onde foste jantar com os teus amigos?
A filha - Num restaurante chamado o Caldas.
Esta mãe - E isso fica onde?
A filha - Ao pé da sede da CDU.
Esta mãe - Na avenida da Liberdade?
A filha - Não mãe, ao pé da Sé! Ao pé da CDU. A CDU não é do Paulo Portas?
Esta mãe - CDS, queres tu dizer. Olha que isso é grave são coisas absolutamente diferentes. Tens que ter atenção a isso pois já vais votar nas próximas eleições.
A filha - Então o que é a CDU?
Esta mãe - A CDU é uma coligação entre o Partido Comunista e os Verdes.
A filha - E pá, é mesmo diferente

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Kafka renasceu e anda a assombrar dois processos coordenados por esta senhora

Estou exausta. E ainda por cima com trabalhos da treta. Não fomos à VFNO por eu estar demasiado cansada. E nem o convite para um sunset num dos bar/terrace mais in de Lisboa me arrancou de casa. Preciso mesmo de fim-de-semana como pão para a boca. De qualquer forma parece-me que tanto cansaço não é muito normal. Tenho de ir ao médico mas como se a minha médica foi de férias e eu tenho pouca confiança em outros médicos. :(

domingo, 6 de setembro de 2015

Muitos aniversários e uma boa prenda

Ontem fizemos o jantar de aniversário alargado do Sr. do Trevo e da minha cunhada F que tem apenas 1 dia e onze anos de diferença do mano. A 5 e 6 de Setembro temos também os aniversários das minhas sobrinhas M. e C., o aniversário de casamento dos meus pais e os cinquenta anos do primo P.
Muita festa, é verdade. Mas a prenda foi o sms que a minha filha recebeu ontem ao jantar a comunicar-lhe que tinha entrado no ISCTE em Gestão. Fomos à internet e lá estava: a nossa princesa já é uma estudante universitária. Caloira, é verdade mas estudante universitária.

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Refugiados

A semana passada foram aquelas 71 pessoas, incluindo quatro crianças, que morreram asfixiadas num camião frigorífico. Hoje o DN dá-nos esta notícia transtornante de crianças dão à costa mortas.
E fico parva não vejo ninguém a fazer nada perante este genocídio. Sim, porque isto é um genocídio por omissão de auxilio a pessoas que fogem da guerra e não têm mais alternativas. Estas pessoas não deviam estar a atravessar o Mediterrâneo em condições miseráveis. Devia haver uma estrutura montada para os receber e não deviam ser só os países europeus a arca com as consequências. Penso que os E.U.A., que tanto andou a meter o bedelho naquela região, devia colaborar. Assim como o Canadá, a Austrália, a Nova Zelândia ou o Japão. É que assuntos que dizem respeito à dignidade, à alimentação, à paz destas pessoas são assuntos que dizem respeito a toda Humanidade.
Juro que não percebo esta inação.

50

Hoje o meu companheiro barbudo, grisalho de olhos verdes fez a bonita idade de 50 anos. Além de lindo ele é uma pessoa simpática, poliglota, culta e super interessante. É também um excelente pai e marido. Acompanha os nossos filhos nas várias vertentes do seu crescimento e está sempre presente quando se trata de tarefas domésticas. Apoia-nos a todos. É o nosso capitão.


E o nosso dia hoje foi assim: Primeiro almoçamos no "O Farol" do Portinho da Arrábida. Comemos uns belos de uns peixes grelhados com esta vista:


Depois fomos para esta praia dar uns bons de uns mergulhos nestas águas. Oh, oh, oh... muito bom.
Terminámos a nossa visita ao distrito de Setúbal com lanchino na pastelaria regional "O Cego" em Vila Nogueira de Azeitão. Ora apreciem:


De babar não é?

Chegamos a casa muito em cima da hora do jantar por isso tive de fazer uma receita express para dar de comer a esta gente. Qualquer dia dou a receita, delicioso.

E claro no fim houve o bolo:


No sábado as comemorações continuam mas hoje o dia foi de férias e festejos para nós os quatro.

<3


Atenção post escrito em colaboração com os meus critérios de degustação e dos restantes membros da companhia do Trevo