sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Crónica dos meus dias bipolares

Tenho andado doente, é verdade, mas não é por isso que não deixo de ir trabalhar.
No escritório aproveitei a crise para destralhar a barafunda que é o meu cantinho. O trabalho propriamente tem se desenvolvido mais lentamente e esqueci-me tomar algumas acções. Mas nada de grave. 
Continuo cansadinha mas esta noite, finalmente, dormi uma noite inteira. Vamos ver.

Hoje fui pintar a minha monstra raiz de cabelos brancos. Amanhã, de manhã, tenho agendado umas unhas de gelinho. Vou ficar toda bonita. Assim, se tiver que ser internada no Júlio de Matos para fazer uma cura de sono, vou doente mas vou com estilo. Não vai haver ninguém naquele Parque de Saúde mais belo do que eu. 

Sem comentários:

Enviar um comentário