domingo, 15 de setembro de 2013

Capítulos da vida na Trevolândia #2

Depois dos nossos filhos nascerem acaba-se a nossa privacidade. Foi assim com a minha filha. Os maiores desabafos e confidências, desde da pré até ao fim do secundário, foram feitos na casa de banho. A casa de banho tem qualquer coisa de libertador que permite às crianças virem para ali desabafar das suas vidas, falar sobre os seus projectos e comentar o seu dia a dia..
Com o mais pequeno passa-se o mesmo. Não sobre desabafos, porque ele é muito seguro de si e está sempre tudo bem, mas sobre assuntos de extrema "urgência".
Hoje por exemplo, quando eu estava a tomar banho, o assunto importante era saber se podia pôr gel sanitário nas sanitas das casas de banho. Eu disse que sim e lá foi ele, o auto-proclamado provedor das limpezas cá de casa.

Sem comentários:

Enviar um comentário