domingo, 28 de outubro de 2012

Terapia da arrumação precisa-se

Há locais da minha vida que tardo em mexer.
Locais onde se acumulam papéis que não servem para nada misturados com coisas importantes.
Sítios onde o tempo parou e aos quais não quero recuar.
Cantos nos quais o cérebro cria entropia quando se aproxima.
Recantos que são feridas com crosta recente.
A terapia da arrumação precisa-se mas ainda não chegou o momento.
Primeiro é preciso manter a terapêutica prescrita pela minha médica.
Só depois quando a medicação ficar mais leve é que vou voltar à fada do lar que era antes. 
Tenho a certeza.
Até lá tenho que ir forçando um pouco a minha diminuta falta de vontade.

Sem comentários:

Enviar um comentário