terça-feira, 30 de outubro de 2012

Sweet sixteen


Hoje faz anos que nasceu a minha princesa. Faz anos que conheci o rosto de alguém por quem já sentia o maior amor incondicional.
O caminho do seu crescimento não foi fácil. Eu estive quase toda a vida da minha filha doente e sem o tratamento adequado mas sei que fiz tudo o que podia em tais circunstâncias. Mesmo assim ficaram abertas feridas. No entanto, sei que agora, desde que estou a ser corretamente medicada, tenho a oportunidade de recuperar tudo aquilo que me foi roubado. Há um tempo para tudo e este é o tempo para eu disfrutar do meu "caramelinho".
Por outro lado estou ciente que o meu “caramelinho” nasceu através de mim para a vida. Ela vive comigo mas não me pertence. Posso dar-lhe todo o meu amor mas não obrigá-la aos meus desejos pois ela tem os seus próprios pensamentos e a sua alma vai ainda viver num futuro mais distante que o meu.A minha menina cresceu, está maior do que eu. É uma pessoa bem estruturada e os desejos que eu tinha  para ela foram substituídos pelos seus próprios sonhos. E estes sonhos e a sua força de vontade vão levá-la longe, eu sei. E hoje é o dia em que se abrem para ela as portas do Mundo.


Sem comentários:

Enviar um comentário